"Um espaço reservado para falar das lembranças, histórias e episódios dos mais de 50 anos de Mil Milhas Brasileiras. E de outras coisas mais!"

domingo, 29 de janeiro de 2017

Vitória Brasileira nas Mil Milhas de 2007


A 35ª edição das Mil Milhas, disputada em novembro de 2007, fora aguardada como o início de uma nova fase da prova, talvez o voo mais alto de sua história, quando se tornaria uma etapa do campeonato European Le Mans Series. Porém, a história tomou outro rumos, e aquela terminou sendo a única ocasião em que as Mil Milhas fizeram parte do campeonato. E só não foi a última ocasião da disputa porque ainda restaram forças para sobreviver até 2008...

Em que pese o domínio absoluto das equipes e pilotos estrangeiros naquele ano, que culminou com a vitória da dupla Marc Gené e Nicolas Minassian, a bordo do Peugeot 908 HDi FAP nº 7, acompanhado do Peugeot 908 da dupla Pedro Lammy e Stéphane Sarrazin, ambos da equipe oficial da marca francesa, há de se destacar a vitória de um brasileiro na categoria LMGT1. Trata-se do piloto paulistano Fernando Rees, que na quadra formada com Gregor Fisken/Roland Bervillé/Steve Zacchia, a bordo do Aston Martin DBR9 6.0 V12, venceu na sua categoria e terminou na sexta posição na geral, com 329 voltas completadas. Essa foi a primeira vitória de Rees no endurance, sendo que no decorrer dos anos, sempre alcançou resultados expressivos, como as vitórias obtidas em circuitos como Silverstone, Spa-Francorchamps, Hungaroring e Algarve.




domingo, 15 de janeiro de 2017

Protótipo AM02


Voltando a falar sobre os diversos protótipos que disputaram edições das Mil Milhas Brasileiras ao longo desses 61 anos de história, a postagem de hoje será sobre um protótipo que surgiu nas 500 Milhas de Londrina de 1995. Trata-se do AM02, bólido construído na cidade de Londrina-PR.

O carro em questão é um projeto de José Lino, que consumiu dois anos até ser colocado nas pistas, movido pela motor 6 cilindros do Chevrolet Omega da Stock Car, com preparação feita pela Arias Motorsport, rendendo cerca de 320 cavalos. Na prova paranaense, o trio Arley Marroni, Gastão Weigert e Mário Yokota largou na 18 ª posição, tendo terminado a disputa na 4ª colocação na geral e com a vitória na categoria força livre.

Já na Mil Milhas de 1996, o mesmo trio largou no 6ª lugar, tendo terminado a prova na mesma posição, com 342 voltas completadas (30 de desvantagem para o Porsche 911 vencedor). Melhor performance se desenhava na edição de 1996 das 500 Milhas, quando largaram na pole position. Porém, enquanto ocupava a liderança da prova, o protótipo AM02 sofreu uma quebra na suspensão dianteira direita, causando o abandono da prova. Na ocasião, os pilotos foram Arley Marroni e Gastão Weigert.


Protótipo AM02 seguindo o Corvette da Família Pimenta e o Aldee prata.