"Um espaço reservado para falar das lembranças, histórias e episódios dos mais de 60 anos de Mil Milhas Brasileiras. E de outras coisas mais!"

sábado, 21 de junho de 2014

Série: Nomes que fizeram/fazem a Stock Car Brasil - parte 1


Inicio hoje uma série sobre pilotos que de alguma forma registraram seus nomes na história da maior categoria do automobilismo brasileiro, a Stock Car. O critério para escolha dos pilotos não é simplesmente o número de títulos, vitórias ou pole positions, mas também a longevidade na categoria, algo difícil de manter com o passar dos tempos, por conta do aumento constante do valor de investimento para disputar uma temporada. Alguns desses nomes são velhos conhecidos, mas que não têm tanta notoriedade da mídia em geral por não terem conquistado muitas vitórias ou títulos, ou não serem os queridinhos das emissoras de TV, sites e revistas, mas que com suas participações contribuem para a existência da categoria. Inicio com dois nomes: Alencar Júnior e Hoover Orsi.

Olímpio Alencar Júnior (Goiânia, 19 de Abril de 1954), ou simplesmente Alencar Júnior, estreou na Stock Car na ocasião da 1ª corrida da categoria, em 22 de Abril de 1979, no autódromo de Tarumã, RS. De início com um esquema de boxe bem limitado, Alencar foi fazendo ótimas participações na Stock Car, se tornando um dos vencedores e por fim escrevendo seu nome na história com os vice campeonatos de 1979 e 1980 e o título de 1982. Fez sua última participação na categoria em 1987, na etapa de Tarumã, quando sofreu um grave acidente na curva do laço, por conta do acelerador travado. Ficou alguns meses de cadeira de rodas, e posteriormente andando de muletas. Ainda tentou se classificar para uma prova da Stock em 1988, mas as condições físicas não permitiram a participação. Após a carreira na Stock, correu também de Fórmula 3 Sul-Americana e Trofeo Maserati, onde foi vice-campeão da temporada de 2006. Alencar deixou as pistas definitivamente no final de 2007.

Dados gerais da carreira na Stock:

Títulos: 1982
Vices: 1979 e 1980
Vitórias: 14 (3 em 1979 e 4 em 1982. A última foi na penúltima corrida na categoria, em Brasília, 1987)
Pódios: 26 (segundos e terceiros lugares)
Poles: 19
Voltas mais rápidas: 8
Temporadas: 1979 - 1987 (não correu as duas últimas corridas de 1987)

Alencar em 1979, correndo com um Opala emplacado!

1982, o ano do título

Em 1985


Hoover Orsi Pereira Martins (Campo Grande, 16 de Maio de 1978): Hoover, campeão da Fórmula 3 Sul-Americana em 1999 e da Fórmula Atlantic (EUA) em 2001, estreou na Stock em 2004, competindo pela equipe Avallone Motorsport. Em 2005 iniciou a parceria com a equipe de Amir Nasr, que durou até o fim de sua carreira na Stock, em 2009. Nos últimos dois anos em que fez uma temporada completa (2007 e 2008), a equipe passou a se chamar Red Bull Racing, por conta do patrocínio da fabricante de energéticos austríaca (que em 2009 migrou para a equipe de Andreas Mattheis, onde permanece até hoje). Durante os anos em que permaneceu na categoria, sempre foi um piloto rápido e arrojado, disputando frequentemente as primeiras posições. Chegou a ser 3º lugar no campeonato por duas vezes, em 2005 e 2006. Em 2009, fez uma única participação na temporada, mais precisamente na corrida de Campo Grande, sua terra natal, correndo mais uma vez na equipe de Amir Nasr.

Dados gerais da carreira na Stock:

Vitórias: 4 (Interlagos-1 2005, Londrina 2005, Interlagos-2 2005 e Brasília 2007)
Pódios: 6
Poles: 3
Voltas mais rápidas:1
Temporadas: 2004 - 2008 e 1 corrida em 2009
Total de corridas: 61

No ano da estréia, em Interlagos

2005, o melhor ano na categoria

Correndo com a bolha do VW Bora

A última vitória, em Brasília, 2007. Com uma arriscada ultrapassagem sobre Ingo Hoffman na reta oposta do anel externo

Nenhum comentário:

Postar um comentário