"Um espaço reservado para falar das lembranças, histórias e episódios dos mais de 60 anos de Mil Milhas Brasileiras. E de outras coisas mais!"

sábado, 1 de julho de 2017

Porsche 911 GT2 de José Venezian


Dentre o verdadeiro esquadrão de Porsches que disputou várias edições das Mil Milhas, desde o ano de 1993, destacamos o 911 GT2 Turbo 3.6 de José Venezian, que apesar de não ter alcançado a vitória, sempre esteve entre os mais rápidos nos treinos e nas corridas.

A primeira participação ocorreu na volta da prova a Interlagos, em dezembro de 1998, ano em que Venezian formou trio com Hélio Saraiva e Sérgio Magalhães, tendo largado na 8ª posição, com o tempo de 1min48s844, ao passo que o pole registrou o tempo de 1min40s152. Na corrida, o Porsche terminou na 4ª posição, com 367 voltas completadas, quando ostentava pintura prateada e o nº 71.

Na corrida seguinte, disputada em Curitiba, a pilotagem ficou por conta de Venezian, Roberto Samed e Flávio Trindade, que venceu em 2001 e 2002, igualmente de Porsche, sendo que a posição de largada (4º lugar) fora bem melhor em comparação ao ano anterior, bem como a própria posição de chegada, visto que foram vice campeões, com 13 voltas de desvantagem para o Aldee Spyder VW vencedor da prova.

Com o hiato do ano 2000, o Porsche, agora com pintura azul e o nº 11, voltou às Mil Milhas em janeiro de 2001, quando apenas Venezian e Samed dividiram a pilotagem do bólido. No grid, a dupla conquistou a 7ª posição, com o tempo de 1min44s982, enquanto a corrida durou 227 voltas, suficientes para a 29ª posição, dentre os 60 carros que largaram.

A última participação do Porsche ocorreu em 2002, e novamente sob o comando apenas de José Venezian e Roberto Samed. No grid, a 8ª posição com o tempo de 1min45s683, ao passo que na corrida, as 317 voltas completadas foram suficientes para levar a dupla ao 10º lugar na geral.

Fora das Mil Milhas, é importante destacar a marca obtida por Venezian na prova de quilômetro lançado disputada na base aérea de São José dos Campos em 1996, quando registrou a média de 267.16 km/h, sendo a 4ª melhor daquela prova.






Nenhum comentário:

Postar um comentário